MASP

Diálogos
no Acervo

TER 16H
DURAÇÃO APROX. 1H
ATÉ 20 PESSOAS

INSCRIÇÕES NA RECEPÇÃO
DO 1º SUBSOLO COM, NO MÍNIMO,
1 HORA DE ANTECEDÊNCIA.

ATIVIDADE GRATUITA.

PATROCINADOR

partner-icon

Que relações poderiam ser feitas entre objetos de diferentes origens, períodos e estilos? Os cavaletes de cristal, no 2º andar do MASP, eliminam hierarquias entre as obras do acervo, dispensam roteiros predeterminados e desafiam narrativas canônicas da história da arte. A transparência espacial convida os visitantes a construírem seus próprios caminhos, permitindo justaposições inesperadas entre arte asiática, africana, brasileira e europeia. Os diálogos dão-se não somente entre obras, mas também entre elementos que compõem cada obra, como fundo e figura, frente e verso, tela e moldura; ou até mesmo entre as obras e os outros visitantes.

O Diálogos no Acervo substitui o antigo modelo de visitas guiadas à coleção, em que os visitantes são conduzidos por um percurso cujo anseio é abranger a totalidade ou os destaques da exposição. Através de mediações semanais, o programa visa instigar novas relações entre obras, visitantes e mediadores, repensando as formas possíveis de experiência na galeria. Evitando práticas educativas bancárias, onde um fala e os outros apenas escutam e assentem, os encontros buscam promover diálogos múltiplos, com todos os tipos de público.

Em 2018, além de sua programação regular, o programa aproveita os intercâmbios e comodatos atualmente estabelecidos pelo MASP com instituições estrangeiras e brasileiras, como o museu Tate (Londres) e a B3 (Nova Bolsa de Valores, São Paulo), para desenvolver ciclos especiais de diálogos voltados às obras em empréstimo expostas nos cavaletes de concreto e cristal.

Convidamos a todos para participar e contribuir com os Diálogos no Acervo, que acontecem semanalmente, às terças-feiras, 16h. A entrada é gratuita.

18.12.2018
ter
16h

Candido Portinari, Retirantes, 1944
Candido Portinari, Criança morta, 1944
Francis Bacon, Figura sentada, 1961

Anteriores