MASP

Masp
Escola

Parte do Núcleo de Mediação e Programas Públicos do museu, o MASP Escola oferece cursos livres e abertos a todos os interessados em artes, com ou sem formação na área.

Com professores especializados nos mais diversos campos da arte e da cultura, visita às exposições temporárias e à mostra de longa duração do acervo do museu, realizada nos cavaletes de vidro projetados por Lina Bo Bardi, os cursos apresentam um amplo recorte da coleção do MASP. Contam também com temas transdisciplinares, introduzidos a cada novo ciclo expositivo.

O MASP Escola tem o intuito de aproximar ainda mais os frequentadores do museu e proporcionar uma experiência de aprendizado dinâmica e crítica, em que todos possam constituir seu repertório a partir de um olhar diverso e plural da arte.

Atualmente, são oferecidos quatro módulos de curso: Histórias da arte, Estudos críticos, Cursos vespertinos e Cursos de férias, com bolsas para professores da rede pública. Para um contato direto, escreva para escola@masp.org.br.

HISTÓRIAS
DA ARTE

Os cursos de Histórias da arte são semestrais. O módulo conta com três programas diferentes de aulas, independentes e complementares. Juntos, os três cursos cobrem um arco histórico que se estende do século 14 ao 21.
Em comum, eles compartilham o estudo de histórias abertas, plurais e diversas, que englobam uma multiplicidade de territórios, períodos, linguagens e discursos. Por isso o módulo tem como nome “histórias” e não “história” da arte.
Com média de dezesseis aulas, cada curso é ministrado por um professor especializado, que, por sua vez, convida outros especialistas para proferir conferências ao longo do semestre. Um formato que garante, ao mesmo tempo, o aprofundamento de temas específicos e a pluralidade de vozes.
Dessa forma, os interessados têm acesso a um panorama mais abrangente de abordagens e métodos de crítica, mediação e interpretação da produção artística, sempre em diálogo com obras da coleção do MASP.
As próximas edições dos cursos de Histórias da arte tem início em março e agosto de 2020.

Rosana Paulino, 'A permanência das estruturas', 2017, acervo MASP, doação Fernando Abdalla e Camila Abdalla, no contexto da exposição 'Histórias afro-atlânticas', 2018.

Histórias da arte - moderna e contemporânea

com Mirtes Marins de Oliveira
18.8-8.12.2021 | ONLINE
19h30-21h30

O curso tem por objeto a produção artística da segunda metade do século 19 até os dias atuais. Longe da exposição de uma história da arte linear e homogênea, propõe-se aqui abordar os artistas e suas obras à luz de determinado número de questões, de ordem formal, mas também filosófica e social, relevantes a seus contextos.

Eugène Delacroix, 'O verão - Diana surpreendida por Acteão', 1856-63

Histórias da arte – século 19: de David a Van Gogh

com Felipe Martinez
17.8 - 7.12.2021 | ONLINE
19h30-21h30

O curso pretende apresentar e discutir as manifestações artísticas do mundo ocidental ao longo do século 19, desde a Revolução Francesa, na obra de Jacques-Louis David, até o início da arte moderna, com Paul Cézanne. 

Botticelli, 'Virgem com o Menino e são João Batista criança', 1490-1500, acervo MASP

Histórias da arte: o Renascimento de Giotto a Tintoretto

com Juliana Guide
16.8-13.12.2021 | ONLINE
19h30-21h30

O curso oferece uma visão panorâmica dos principais artistas, obras e inovações que compuseram os trezentos anos do renascimento italiano, período cuja potência nos campos artístico e intelectual ressoa até hoje. Dos fundamentais Cimabue e Giotto à dramaticidade de Tintoretto, o trajeto contempla nomes fundamentais da época, como Botticelli, Leonardo da Vinci, Rafael, Ticiano e Michelangelo. 

CURSOS
DE FÉRIAS

O MASP Escola não para nos meses de fevereiro e julho. Menores, os cursos de férias são indicados para quem tem interesse em um curso rápido e intensivo. As aulas tratam de temas gerais da história da arte, desde estudos aprofundados sobre artistas de destaque da coleção até tópicos específicos dos ciclos anuais de exposições.

ESTUDOS
CRÍTICOS

Em diferentes dias da semana, de modo presencial ou on-line, o MASP Escola oferece os cursos de Estudos Críticos, módulo que aborda tópicos específicos da cultura contemporânea. Cada curso tem duração mínima de 8 horas, ou quatro aulas de duas horas cada uma.
De programa intensivo, o módulo tem como objetivo ser um espaço de debate sobre as intersecções entre a arte e as questões políticas e sociais de peso na atualidade. As aulas também transitam pelos assuntos propostos pelos ciclos temáticos que pautam o programa de exposições do museu a cada ano.
A matrícula pode ser feita de maneira independente em cada um dos cursos.

Religião, símbolo e poder afro-brasileiro na formação da cultura nacional

COM VAGNER GONÇALVES DA SILVA
5.10 - 11.11.2021 | ONLINE
19H-21H

O curso aborda as cosmologias e filosofias afro-brasileiras que fizeram do terreiro epicentro de uma experiência multicultural afro-atlântica nas Américas marcada pelo convívio entre seres de existências múltiplas (homens, encantados, animais, vegetais, minerais etc.). Posteriormente debate os modos pelos quais essa experiência constitui a cultura nacional em termos de musicalidades, artes plásticas, literatura, cinema, expressões festivas entre outras.

Manufatura de Gobelins, 'Os caçadores', da série Pequenas Índias, 1723-30, acervo MASP, 1949

O Renascimento pelo avesso: imagens, ficções e discursos coloniais

com Renato Menezes
1.10 - 5.11.2021 | ONLINE
19h-21h

O que os afrescos da abóbada da Capela Sistina, o modelo do homem vitruviano e a exumação de estátuas da Antiguidade Clássica, símbolos do apogeu do Renascimento na Itália, dizem sobre a elaboração dos projetos coloniais em curso nas Américas desde a chegada de Cristóvão Colombo? 

Iorubá, 'Exu', sem data, acervo MASP, doação Cecil Chow Robilotta e Manoel Roberto Robilotta, em memória de Ruth Arouca e Domingos Robilotta, 2012

Educação, descolonização e outras inspirações para um mundo novo

com Luiz Rufino
22.9 - 15.10.2021 | ONLINE
19h-21h

O objetivo do curso é promover um debate acerca da educação como tarefa de descolonização tendo como base elementos presentes em práticas de saber subalternizadas pela dominação colonial. Por que descolonização? A opção se dá pelo seu caráter enquanto palavra geradora que invoca energias inconformadas e nutre ações rebeldes necessárias na disputa pela vida. 

José Antonio da Silva, 'Lindo lindo lindo',1976, acervo MASP, doação Breno Krasilchik, 2015

Arte popular: articulações do fazer e do expor

com Fernanda Pitta e Yuri Quevedo
9.9 - 30.9.2021 | ONLINE
19h-21h

O curso pretende abordar uma certa história da arte popular, analisando o debate em torno desta noção, seus modos de produção, circulação e valoração. Nas aulas, serão investigados de que modo alguns teóricos, dentre eles Lina Bo Bardi, Marilena Chauí e Nestor Canclini, e artistas, como José Antonio da Silva, Heitor dos Prazeres, Conceição dos Bugres e Véio, se relacionaram com a noção de popular, problematizando-a e a agenciando em diferentes contextos.

Luiz Braga, 'Vendedor de amendoim', 1990, acervo MASP, doação do artista, 2016

Arte contemporânea paraense: hibridismos, imagens e poéticas

com Mateus Nunes
8.9 - 6.10.2021 | ONLINE
19h-21h

Este curso busca apresentar e discutir o panorama atual da arte contemporânea produzida no estado do Pará, analisando suas imagens, poéticas e narrativas. Serão debatidas obras de artistas como Luiz Braga, Éder Oliveira, Emmanuel Nassar, Dina Oliveira, Jorge Eiró e Jorane Castro, em múltiplas plataformas, como pintura, fotografia, intervenção e performance.

CURSOS
VESPERTINOS

Os Cursos vespertinos têm entre seis e oito aulas semanais, numa duração de cerca de dois meses. O programa oferece um estudo aprofundado sobre temas apresentados nas conferências do módulo Histórias da arte, como arte brasileira, escultura grega, escolas artísticas e arte ameríndia nas Américas. 

BOLSAS PARA
PROFESSORES

O MASP Escola oferece bolsas de estudo para professores da rede pública em qualquer nível de ensino. Cada professor pode ser contemplado com uma bolsa por semestre. O curso exige, no mínimo, 75% de presença.

A inscrição demanda uma carta de intenção, que será utilizada como critério para a seleção dos bolsistas. Para concorrer a uma bolsa, preencha o cadastro disponível através da opção "Solicitação de bolsas para professores" na página de cada curso.