MASP

DEGAS: DANÇA, POLÍTICA E SOCIEDADE

A mostra vai reunir no MASP cerca de 150 obras de Edgar Degas (Paris, 1834-1917), explorando a relação de seu trabalho com o universo da dança e chamando atenção para o fato de que quase metade das suas duas mil obras, incluindo óleos, pastéis, desenhos, gravuras e esculturas, constituem explicitamente um registro com relação às realidades sociais da dança em sua época, e consequentemente à presença do feminino e ao papel da mulher nesse contexto. Nesse sentido, a mostra se distancia de abordagens estritamente formais ou estilísticas. A seleção de obras parte do acervo do próprio museu, que conta com 76 obras do artista, incluindo 3 pinturas e o conjunto de 73 esculturas em bronze, do qual faz parte a célebre série de bailarinas (38 esculturas), incluindo a icônica Bailarina de catorze anos (1880). Apenas outros três museus no mundo possuem essa coleção (Glyptotek Ny Carlsberg de Copenhague; Metropolitan de Nova York; e Musée d’Orsay, Paris). Todos esses trabalhos farão parte da mostra.  

CURADORIA Adriano Pedrosa, diretor artístico, MASP, Fernando Oliva, curador, MASP.

Outras exposições

Exposição

Acervo em transformação

O MUSEU ESTÁ FECHADO POR TEMPO INDETERMINADO
Exposição

Leonor Antunes: vazios, intervalos e juntas

O MUSEU ESTÁ FECHADO POR TEMPO INDETERMINADO